Perguntas Frequentes

O QUE É A ANEMIA?
Anemia é uma situação clínica que resulta da diminuição do número de eritrócitos (glóbulos vermelhos) no sangue, ou do conteúdo de hemoglobina para valores inferiores aos considerados normais para a idade, sexo e etapa de crescimento.
QUAIS SÃO AS CAUSAS DA ANEMIA?

A anemia ocorre quando o corpo humano não dispõe dos eritrócitos necessários ao seu normal funcionamento, quer por diminuição da sua produção quer por excessiva perda ou destruição.

A maior parte dos casos de anemia ocorre por deficiência de Ferro. O Ferro absorvido na alimentação é usado para a produção da hemoglobina dos eritrócitos e permite o transporte do oxigénio, necessário ao funcionamento das células do organismo.

ANEMIA POR PERDA DE FERRO:

- Hemorragia: as perdas de sangue implicam diretamente a perda de Ferro. Nos homens, e nas mulheres depois da menopausa, a maior parte das anemias por deficiência de Ferro são devidas a hemorragia gastrintestinal causada por:

  • gastrite por abuso de anti-inflamatórios
  • úlceras do estômago e do duodeno
  • tumores do estômago e do intestino.
ANEMIA POR NECESSIDADES AUMENTADAS DE FERRO

Nas mulheres em idade fértil, as principais causas de anemia por perda de Ferro são a gravidez e a menstruação abundante. Durante a gravidez é necessário fazer suplementação adequada de Ferro, pois o elevado volume sanguíneo, necessário ao desenvolvimento do bebé, exige maior quantidade de Ferro disponível.

O mesmo ocorre durante as fases de crescimento rápido, como na idade pré-escolar e na adolescência.

ANEMIA POR DEFICIÊNCIA DE INGESTÃO E ABSORÇÃO DE FERRO

- Dieta pobre em Ferro: a ingestão de Ferro é garantida pelo consumo de alguns alimentos, entre os quais a carne vermelha e de aves, peixe, vegetais de folha verde escura, feijão e nozes. Só com uma alimentação equilibrada se atingem concentrações adequadas de Ferro no organismo; as dietas vegetarianas ou restritivas são pobres em Ferro porque a concentração de ferro disponível nos vegetais é reduzida.

- Incapacidade de absorção: a existência de doenças ou de cirurgias gástricas e intestinais pode levar a que o organismo seja incapaz de absorver o Ferro ingerido através da alimentação.

ANEMIA POR DEFICIÊNCIA DE OUTROS NUTRIENTES
Em certas condições de deficiência de Vitamina B 12 e Ácido fólico, também pode ocorrer anemia.
SINTOMAS

A diminuição progressiva do nível de hemoglobina e de eritrócitos no sangue determina o agravamento dos sinais e sintomas de anemia. No início pode passar despercebida ou ser confundida apenas com cansaço e muitas pessoas padecem de anemia sem saber; numa fase posterior a anemia pode provocar um vasto conjunto de sinais e sintomas

  • Fadiga e falta de força acentuada
  • Palidez
  • Dor de cabeça, irritabilidade, alterações do sono
  • Tonturas
  • Dificuldade de concentração, depressão
  • Tensão arterial baixa, desmaio
  • Unhas quebradiças
  • Falta de apetite
  • Ritmo cardíaco acelerado ( taquicardia)
  • COMO PREVENIR A ANEMIA?

É possível reduzir o risco de ocorrência de anemia assegurando uma alimentação saudável que inclua carne, peixe, frutos e vegetais de folhagem verde. A Vitamina C presente nos citrinos, kiwis e brócolos tem um papel importante na absorção do Ferro.

Em momentos da vida em que se verifica maior necessidade de Ferro ( gravidez, aleitamento, infância, adolescência), o aporte alimentar pode não ser suficiente e haver necessidade de tomar suplementos de Ferro.

QUANDO DEVO CONSULTAR O MÉDICO ASSISTENTE?
Quando verificar perdas sanguíneas ou na presença de sintomas sugestivos de anemia, deve consultar o seu médico assistente.
QUAL O TRATAMENTO DA ANEMIA?

O tratamento da anemia implica o tratamento das causas e a correcção dos níveis de hemoglobina e eritrócitos, vigiada por análises sanguíneas periódicas.

Quando se confirma, por análises ao sangue, que a anemia é provocada por insuficiência de Ferro pode haver necessidade de administrar suplementos de Ferro. Os suplementos de Ferro são administrados por via oral ou injetável, têm boa tolerância e são muito eficazes.

Em situações de maior gravidade pode ser necessário recorrer a transfusão sanguínea.

O QUE ACONTECE SE NÃO TRATAR A ANEMIA?
A anemia não tratada pode agravar outros problemas de saúde, por exemplo a insuficiência cardíaca ao requerer maior esforço ao coração. Para além disso há compromisso da qualidade de vida, disponibilidade física e mental, o que pode ter implicações negativas no rendimento laboral e na vida familiar.